História

População de Macau no começo do século XX

Algodão, in Scenários Norte-Riograndense (1923) de Amphiloquio Camara

1766, Rio Assú e a Ponta dos Três Irmãos

Episódios da escravidão: Macau, um porto escravista

A Coluna de Macau: Obelisco do Centenário da Independência

Macau, de origem chinesa, francesa ou tupi-guarani

Macau, 1889

Holandeses, tapuias e salinas em Hermann Wätjen

Macau e a escravidão

Um aviador macauense

Sangue e morte em Macau e a “inglesada desenfreada”. Era 1888.

Notícias de Macau [correios, seca, libertação dos escravos]

Escravidão – noticias

Bezerra  Cavalcanti

Barão do Assu

Dos becos de Macau

Um abolicionista macauense, por Gibran Araújo

Rua do Cordão Azul em Macauísmos de Benito Barros

O dia “D”. Era 1944. Dos relatos de Fatima Paulet

Mossoró, Lampião e o relatório do gerente do Banco do Brasil 7/7

Mossoró, Lampião e o relatório do gerente do Banco do Brasil 6/7

Mossoró, Lampião e o relatório do gerente do Banco do Brasil 5/7

Mossoró, Lampião e o relatório do gerente do Banco do Brasil 4/7

Navegantes, ex-Maruim, por Getulio Moura em Um Rio Grande e Macau

Mossoró, Lampião e o relatório do gerente do Banco do Brasil 3/7

Antigos habitantes da Ilha de Manoel Gonçalves e Ilha de Macau. Pesquisa do Professor João Felipe da Trindade

Mossoró, Lampião e o relatório do gerente do Banco do Brasil 2/7

Navegantes, ex-Maruim por Getulio Moura

Mossoró, Lampião e o relatorio do gerente do Banco do Brasil 1/7

Rua Joaõ Teixeira, Macauísmos de Benito Barros

Efeitos da seca em Macau. Era 1888

Economia macauense em 1886

João Teixeira de Barros e a família Tetéo em Macau

Higienismo, Caxambú e jogos de “azar” em Macau

Abolição dos escravos em Macau do Assu; fevereiro de 1888

Escravidão em Macau no século XIX

Um casamento na Ilha de Manoel Gonçalves em 1835

Macau em 1886: Guerra fiscal e “classes menos favorecidas de fortuna”

Topônimo Macau: é preciso pesquisar sempre

A família Valladão, pelo Professor João Felipe da Trindade

Presença da família Ferreira de Miranda em Macau pelo Professor João Felipe

Anotações sobre a pesquisa do Professor João Felipe

Em tempos de eleição em Macau – século XIX

Macau no final do século XIX: Avelinos e Bezerras

Nossa história ameaçada e um trabalho meritório do Professor João Felipe da Trindade

“Infernal calúnia”: aconteceu nos oitocentos em Macau

Do Almanak de Macau – 1909 – quem, e o que existiam em Macau

Município de Macau [Almanak de Macau – p. 17]

As controvérsias do topônimo Macau

A Ilha de Macau

Macô é a Macau francesa.

O naufrágio do navio Macau: 50 anos

A Macau chinesa

A outra Macau, a francesa