O sal nosso de cada dia: dados recentes

0

 

Fotografo não identificado, década de 1960, as esteiras para o transporte do sal.

Os números foram informados pelo vice-presidente do Sindicato da Indústria de Extração do Sal do Rio Grande do Norte, Airton Paulo Torres, ex-superintendente da CIRNE, hoje SALINOR e ex-secretário do Polo-Gás-Sal .  Ele confirma que o Rio Grande do Norte é responsável por 90% da produção do sal no Brasil e que o parque salineiro tem capacidade para produzir 13 milhões de toneladas de sal/ano.  No ano passado foram embarcados 100 mil toneladas no terminal de Areia Branca, toda para o mercado interno, mas a produção já chegou a 700 mil toneladas ano. A queda na produção se deu em razão das chuvas de 2009, 2010 e 2011 e o mercado também foi afetado pelo câmbio desfavorável. Mesmo com o aumento do preço em razão da queda da produção o setor não diminuiu seus custos. Hoje com há muito tempo são empregados no setor 15 mil trabalhadores.

Deixe uma resposta