Uma rua e seus moradores: recordações de Zé de Hipólito. Eram os sessenta.

0

 

Rua Princesa Isabel década presumida 1960, arquivo: Leão Neto

Rua Princesa Isabel década presumida 1960, arquivo: Leão Neto

Ao ver a foto da Rua Princesa Isabel, voltei a ser criança. Lembro de alguns moradores da citada rua como Manoel Velozo que era Pastor da Assembleia de Deus. Recordo  Dona Anita de João Toró que era Professora e também de Apolônio, motorista da Matarazzo. Não me esqueceria, como não esqueci do cidadão chamado de Amor que era  dono de uma bodega. Ari Boboca era craque do futebol e morava na casa do cunhado. Inês e Francisca eram irmãs e também moravam nessa rua. Mundinho que morava na Princesa Isabel era o craque da sinuca e dava show no bar de Augusto Coutinho. Recordar é viver.  

De José Ribamar [Zé de Hipólito] ribamarnota10@hotmail.com para o baú de Macau

Deixe uma resposta