Mailde Pinto Galvão, homenagem de Antonio Capistrano

0

mailde_pinto_galvao1

Mailde Pinto Galvão: homenagem de Antonio Capistrano

 

Estive, na manhã desse sábado, no velório de Mailde, reencontrei velhos amigos, foi um reencontro cheio de lembranças de uma época de muitas lutas e de grandes figuras. Sempre tive por Mailde uma grande admiração, por ela e por Claudio Pinto Galvão, seu esposo, ele foi meu professor de história das artes na UFRN através das palavras de Marcos Silva, faço uma pequena homenagem a amiga que partiu.


Antonio Capistrano, em 20 de abril de 2013.

 

Mailde é a beleza da coragem, da sabedoria, da amizade

É autora de um brilhante livro de memórias sobre 1964, um dos melhores que conheço em todo o Brasil: “1964 – aconteceu em abril”. O livro reúne sagacidade, ousadia, verdade. Penso que essa obra deveria ser adaptada para cinema, teatro, televisão, além de lida e relida.

É casada com o Historiador Claudio Augusto Pinto Galvão e amiga do Artista Newton Navarro, dentre tantos e tantas que desfrutam de sua generosidade.

A ditadura de 1964 a manteve presa, depois a liberou por ausência de qualquer delito. Seria muito fino que os herdeiros de quem fez a ditadura pedissem desculpas a ela e tantos outros que foram absurdamente presos por nada. Quem fez a ditadura não é chegado a finezas.

Pesquisadores da UFRN e de outras instituições de estudos, quando a entrevistam, ficam encantados com sua inteligência e delicadeza pessoal.

O Rio Grande do Norte se engrandece com a luz de Mailde, que brilha e brilhará para sempre.

Um beijo nela e em Claudio.

Por Marcos Silva

Leia mais sobre Mailde Pinto Galvão em:

http://www.obaudemacau.com/?s=Mailde+Pinto+Galv%C3%A3o

 

 

Deixe uma resposta