Arena das Dunas

0

20110607_crise.capitalismo.grande-300x283Para o capital abrir fronteiras é sempre um risco a mais e requer investimentos de grande monta.  Então é mais fácil destruir forças produtivas.  Estão ai os estádios de futebol pelo mundo e o Estádio Arena das Dunas em Natal. O capital busca retorno rápido e sem riscos, o lucro sem susto. O Machadão e o Machadinho funcionavam bem até o grande capital ver ali a possibilidade de lucro sem risco ou com pouco risco. Num governo tudo se acerta e veio o Benito Gama como secretario que, como bom executivo, ficou até a implosão dos Machados, o grande e o pequeno e a garantia que o Estádio Arena das Dunas seria construído e o capital realizado. Comemorou o capital financeiro e agora está aí o alerta do Procurador Geral do Ministério Público do Rio Grande do Norte, Luciano Ramos a nos mostrar que o contrato com a empresa OAS, a construtora e depois a administradora do estádio pode trazer prejuízos para os potiguares, como por exemplo, pode faltar segurança, transporte, habitação, saúde, educação, enfim tudo o que hoje falta no Rio Grande do Norte. É assim, para muitos vai piorar.  

De Claudio Guerra para o baú de Macau

Deixe uma resposta