De tribunais, uísques e rolézinhos

0

Claudio-Cidadaos-off-line-e-o-lixao-do-Maruim-config recorteNuma caixa de sapatos no alto da estante de livros encontrei entre recortes de jornais, cartões postais e botons de campanhas políticas uma folha denunciando a pouca tinta da impressora naquele 5 de maio de 2005. Era uma folha A4 cujo verso já usara para outros fins e que trazia uma notícia de um jornal do Recife com a manchete Homem tenta roubar caixa de uísque do Tribunal de Contas do Estado. Na folha, abaixo do texto impresso, grafei — Homem invade sala do Tribunal de Contas do Estado; Suspeito flagrado no Tribunal de Contas do Estado; Segurança impede roubo no Tribunal de Contas do Estado; Homem tenta roubar o Tribunal de Contas do Estado; Homem tenta roubar bebidas do Tribunal de Contas – a mesma notícia nos outros jornais do Recife, com a observação que ninguém estranhava o fato do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco ter caixas de uísque no seu almoxarifado.  Agora, passados esses anos todos, penso que a caixa de uísque do Tribunal de Contas do Estado e as medalhinhas que vivem distribuindo no exercício da sabujice  e muitos outros absurdos dessa elite insensata que abocanha nosso país tem muita coisa a ver com as manifestações de julho de 2013 e com os rolézinhos deste começo de 2014.

De Claudio Guerra para o baú de Macau