1964. Aconteceu em abril, de Mailde Pinto Galvão

0

MaildePara a história recente do Brasil e do Rio Grande do Norte um livro imprescindível é 1964. Aconteceu em abril, de Mailde Pinto Galvão [1925-2013]. O livro da Edições Clima de Natal,  foi publicado em 1994 e trata do golpe de 1964. Escrito por quem viveu e sofreu a tortura executada por aqueles que deveriam defender a pátria e foram transformados em cães de guarda do imperialismo via burguesia do centro sul do Brasil, o livro  no dizer de Mailde, tem a pretensão de contribuir para o conhecimento do golpe militar no Rio Grande do Norte.

A apresentação da Professora Maria Conceição Pinto de Góes e a orelha por Nei Leandro de Castro são incisivas e contribuem para a compreensão daquele tempo, dos fatos e da obra.

Dividida em vinte e cinco capítulos a Professora Mailde narra o episódio da Prefeitura de Natal, daqueles que comemoraram o golpe e dos livros apreendidos e considerados subversivos:  quase todos editados pela editora Biblioteca do Exercito, que àquela época editava bons títulos de interesse nacional.  

O livro fala também da atitude canina do então governador Aluízio Alves que criou uma comissão para investigar as chamadas atividades subversivas e antinacionais, instituindo a deduragem no Rio Grande do Norte.

São histórias insanas da ditadura de 1964 na terra potiguar que devemos conhecer e não esquecer.

De Claudio Guerra para o baú de Macau