Minhas recordações do governo do PSDB – [2]

0

Pequenas historias do neoliberalismoNão tenho boas lembranças do governo do PSDB e do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. De nenhum dos dois governos, o primeiro de 1995 a 1998 e o segundo de 1999 a 2003. Aqui, falo do segundo governo.

A criação de uma cooperativa agropecuária na região de Macau em 1998, que por vários motivos não prosperou levou-me a conhecer o centro de pesquisa Embrapa Caprinos na cidade de Sobral no Ceará.

Fiquei impressionado com as boas instalações daquele centro de pesquisa, mas causou-me má impressão as dificuldades por que passava o centro. De todas as mazelas narradas chocou-me saber que estavam arrendando a fábrica de queijos do Centro para uma empresa francesa, única saída encontrada pelo Centro para não fechá-lo definitivamente. As pesquisas estavam paralisadas e o problema um só: a falta de apoio [dinheiro] do governo do PSDB para a continuidade das mesmas e o desprezo total com os pesquisadores cujos salários ficaram congelados por quase nove anos.

PSDB é neoliberalismo, ou seja, o Estado para poucos. É o império das grandes empresas, notadamente as de capital sem pátria, o capital financeiro de poucos donos e que nos oprime e que nos esfola.

Em recente entrevista à Revista Veja [13/8/2014], o ex-ministro da Agricultura Roberto Rodrigues respondendo sobre a necessidade do avanço da tecnologia disse: “Felizmente a Embrapa segue avançando, mas outros centros importantes, muitos deles em São Paulo, sentem a falta de recursos para as pesquisas.” Em São Paulo e Minas Gerais o PSDB segue maltratando pesquisa e pesquisadores.

De Claudio Guerra para o baú de Macau