Por que hoje é sábado, recordemos a ditadura e Vinicius de Moraes

0

o bau seloEm janeiro de 1974 o colégio eleitoral [deputados e senadores] “elegeu” o General Ernesto Geisel para presidente. O povo não votava para presidente e o partido da ditadura era a ARENA, hoje PDS presidido pelo Senador Agripino Maia. A ARENA elegia quem a burguesia mandasse eleger – naquela época o general assumiu falando em “distensão”. Um exemplo do governo Geisel  e da chamada “distensão” foi a proibição do poesia de Vinicius de Moraes. E porque hoje é sábado estamos recordando tudo isto. O documento abaixo está arquivado na Biblioteca Nacional, agora que parte dos arquivos da ditadura tornaram-se públicos.

De Claudio Guerra para o baú de Macau

Leia o documento:

Porque hoje e sabado versao final

 

para ouvir a poesia proibida pela ditadura acesse: https://www.youtube.com/watch?v=videoseries&list=RDjpfymRLaPaA