A rua da juventude do poeta Alfredo Neves

A rua da juventude do poeta Alfredo Neves

Esta foto da rua é de 1937 quando ainda se chamava Rua da Olaria, pois havia uma olaria no começo dela, conforme registrou Benito Barros no seu Macauísmos – Lugares e Falares Macauenses. Alfredo residiu nesta rua 40 anos depois, quando já estava arruada, iluminada e calçada. O Tenente Victor [Francisco Victor da Fonseca e Silva, foi tenente-coronel da Guarda Nacional nos idos da guerra contra o Paraguai[1865-1870]. Nasceu em Aldeia Velha [Igapó], Natal  e foi homenageado em Macau com nome de rua. Esta foi a rua da juventude do poeta  Alfredo Neves que nos fala de pessoas, umas do nosso convívio e outras que já “viajaram antes do combinado” deixando saudades.

RUA TENENTE VICTOR

 

Alfredo Neves [*]

 

 

Na Rua Tenente Victor

O sol esmaecendo no horizonte

Era um laboratório que revelava

Imagens maravilhosas

Na minha lembrança.

Na casa do senhor Joaquim Maurício

E da dona Francisca,

Manolo, Reginaldo e suas irmãs

Realizavam grandes algazarras

Quando o carro pipa chegava

Com a água doce vinda de Barreiras

Ou do Rio Piranhas-Açu em Pendências

Para encher a nossa cisterna.

Lembro-me da moagem de sal zoando,

Dodoca Color sorrindo

E Bibi queimando lenha

Para alimentar Geiner Cezar e Luiz Antônio.

Na esquina dos meus sonhos

A Armando China cruzava

Minha rua do sol poente.

Lá estava o Bar do Gerson,

Que criteriosamente à mesa

Sentavam Ranilson Paiva,

Dr. Assis Dentista,

Aldo Seixas e João Gatinho.

Eu não podia ceder à tentação,

Era muito jovem e de apenas treze anos.

Um dia, já cansado de ser o mesmo,

Da Rua Tenente Victor

Dei os meus primeiros passos

Para as lutas com o bravo

Povo da cidade do sal,

Petróleo e das “roladeiras”

Marcantes em nossas vidas.

 

 

[*] Alfredo Ramos Neves é mineiro de Teófilo Otoni e macauense por adoção. Fez parte da juventude combativa da Macau dos 80, juntamente com João Eudes, Manassés, Renan dentre outros que ainda lutam por um Brasil mais justo. Leia mais sobre Alfredo Neves em Literatura e Artes.